A pregação no alto

Jesus escolheu uma montanha para pronunciar seu sermão inaugural. E a sua voz desceu como uma cachoeira de luz. É preciso subir para ensinar os que estão embaixo a subirem. Valeu a metáfora.

E já que falei em planalto, os espíritas acabam de promover o seu recente congresso, no Planalto do Cabo Branco, justamente no Centro de Convenções.

E, aqui para nós, deu muita gente para ouvir famosos oradores, a começar pelo nosso Divaldo Franco, coincidindo com o aniversário de 100 anos da casa máter do Espiritismo na Paraíba, a Federação Espírita Paraibana.

Quem exerceu a presidência daquela casa, durante quarenta e quatro anos, quase metade de seu centenário, foi José Augusto Romero, meu pai. Nascido nos Cariris Velhos, foi seminarista e terminou espírita. Para isso, bastou assistir a uma sessão espírita em Alagoa Nova, quando se manifestou o espírito de uma prima desencarnada, que lhe trouxe impressionante e irrefutável mensagem. Outro fato que o levou ao Espiritismo foi a leitura do livro “O problema do ser, do destino e da dor”, do médium e filósofo francês, Léon Denis.

O congresso espírita no Planalto Branco foi, sem dúvida, um magno acontecimento. Tenho certeza que o convencionais saíram de lá ainda mais espíritas.

O Teatro do Centro de Convenções foi pequeno para caber tanta gente, neste memorável congresso, de espíritas e não espíritas, pois havia líderes e representantes de outras religiões, num encontro que culminou no “Momento pela Paz”, na tarde de ontem, com palestra do médium e orador Divaldo Pereira Franco, autor de cerca de 200 livros psicografados.

A verdade é que o Espiritismo, codificado por Allan Kardec, cada vez mais atrai simpatizantes. E eu encerro a crônica lembrando que a Doutrina Espírita tem como lema principal: “Fora da Caridade não há salvação”. Para bom um entendedor, só isto basta.
O AUTOR
Carlos Romero é escritor, jornalista, membro da Academia Paraibana de Letras e tem a crônica como forma literária favorita. Um estilo no qual retrata com forte dose de lirismo e humor suas sensíveis observações acerca do cotidiano.
RECOMENDE AOS SEUS AMIGOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários

Postar um comentário