Mais um ano, e daí?

O momento enseja uma reflexão. Foi-se um ano, e daí? O que fizeste do ano que passou? Foram muitas manhãs, muitas tardes, muitas noites. Que fizeste do tempo que não volta mais? Trabalhaste mais, estudaste mais, cuidaste melhor do teu corpo, este templo sagrado? E a alimentação? Abusaste dela? Muito álcool na barriga? Muito fumo nos pulmões?

Fizeste mais amigos ou, pelo contrário, mais inimigos? Fizeste atos de caridade? De tua boca, saíram palavras de ânimo ou de desânimo? E quanto à maledicência, falaste mal dos outros, ou, pelo contrário, só tiveste palavras de ânimo? Muito otimismo ou muito pessimismo na tua vida?

Afinal, o que é mais importante, a reflexão ou a distração? Como foi o teu relacionamento com o próximo? Disse um filósofo que o tempo é como a terra. Se não plantamos nada nela, o que devemos esperar?

Vem aí a passagem do ano velho e a chegada do ano novo. Vão soltar muitos foguetões, vão beber muito, comer muito, e nada de uma reflexãozinha. Não esquecer que o homem é um animal que pensa. Dizem que Santo Agostinho não dormia antes de conversar com ele mesmo

Espero que estejas esteja com a consciência tranqüila. Nada de remorsos e arrependimentos. E, aqui para nós, uma consciência em paz é um paraíso.

365 dias! Passados em vão? Que diga a consciência de cada um. E tome nota: a nossa maior responsabilidade é com a vida. A vida nossa de cada dia. Viver é o maior ato de fé.

E não esqueçamos jamais de, todo dia, prestar conta à nossa consciência. Santo Agostinho, dizem, antes de fechar os olhos para o mundo, mantinha uma conversa consigo mesmo. Relatava, mentalmente, tudo que fez durante o dia.

Viva a responsabilidade de viver. De viver e de conviver. E terminamos lembrando a grande interrogação: o que é que estamos fazendo de nossa vida?...
O AUTOR
Carlos Romero é escritor, jornalista, membro da Academia Paraibana de Letras e tem a crônica como forma literária favorita. Um estilo no qual retrata com forte dose de lirismo e humor suas sensíveis observações acerca do cotidiano.
RECOMENDE AOS SEUS AMIGOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários

Postar um comentário