Os donos do poder

Sim, a vida é respirar, comer, beber, dormir, fazer sexo, ganhar muito dinheiro, ser admirado e bajulado. É por isso que muita gente procura o poder. Haverá coisa mais gostosa do que mandar? E disso tirar muito proveito? Mandar é ótimo, obedecer é chato. Quantos levaram a existência mandando... A História está aí para não nos deixar mentir. São exaltados os donos do poder. Em homenagem a eles, quanto bronze foi empregado na ereção de estátuas, bustos e hermas!

São três coisas que atormentam o homem: sexo, dinheiro e poder. Eis uma trindade que não é santíssima. Mas, continuando a conversa, todos gostam de mandar. O homem quer mandar na mulher, a mulher quer mandar na casa, o filho mais velho quer mandar no mais novo, e o caçula, coitado, é o quem mais sofre na vida familiar.

Afinal, o que é mais difícil, mandar ou obedecer? Claro que é obedecer. A obediência exige a virtude mais difícil de todas: a humildade. Já no mando, o que prevalece é o orgulho. Humildade é sabedoria, é consciência de nossa fraqueza. Daí dizer Emmanuel, o iluminado guia de Chico Xavier: "A humildade é o reconhecimento de nossa pequenez diante do Universo". E aqui para nós, o orgulhoso é um bobo, que muitas vezes se torna ridículo.

O maior filósofo de todos os tempos, possuidor de profunda cultura e sabedoria, ensinava perguntando. E muita gente que pensava que sabia alguma coisa, ficava embatucado com as perguntas que ele fazia.

Sócrates costumava dizer: "O que sei é que nada sei".

E a verdade é que quanto mais a gente sabe, mas sabe que nada sabe. O petulante, vaidoso, já não pensa assim.

Mas, cadê os mandões do mundo, que passaram a vida gozando as tetas do governo, os viciados em mandar? Muitos já morreram, embora seus túmulos sejam sempre visitados. Cadê Napoleão, Hitler, Herodes, Luís XIV? E o nosso Getúlio, que governou o país muitos e muitos e anos e terminou se suicidando? Meteu a bala no coco, como diria o general, nosso ex-presidente, Figueiredo.

Mandar é ótimo. Obedecer é que é ruim. O maior espirito que já veio à Terra não quis mandar. Sim, Jesus dizia que o seu jugo era suave. O jugo do amor, da misericórdia, do perdão.

E o extraordinário Gandhi, com cuja fraqueza física enfrentou a poderosa e orgulhosa Inglaterra, sem dar um tiro? A Inglaterra, que ainda hoje endeusa uma rainha, que só existe devido ao turismo, que lhe dá muitas libras...

Poder! Todos querem ter. Ninguém quer obedecer e, sim, poder!


Mas, a vida é isso?...

Patrono do Blog
Carlos Romero (1923-2019), cronista paraibano.
RECOMENDE AOS SEUS AMIGOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários

Postar um comentário

Deixe o seu comentário