Silêncio e Solidão

Está na Bíblia que não é bom o homem ficar sozinho. Mas ele pensa que pode ficar o tempo todo isolado de tudo, esquecendo de que tudo que tem foi por causa dos outros. Acontece que a solidão tanto pode ser um remédio como um castigo. Que digam os prisioneiros.


Mas lembremos que solidão exige silêncio. E o silêncio é tão necessário na solidão, como ar que respiramos. Mas há também quem deteste ficar sozinho. Por que? Ora, ora, porque é na solidão que ouvimos a consciência, um tribunal íntimo, em que há juiz, advogado, promotor, escrivão, todos esses personagens de um julgamento. E haja acusações pelo que fizemos de mal feito. A consciência, às vezes, dói como fogo, arde que nem pimenta. Não se pode ter bom sono com uma consciência em brasa.


Agora estou me lembrando daquele bom homem, num hospital, cheio de dores pelo corpo todo. Aí, perguntaram-lhe onde é que não doía nele. A resposta foi: "sinto dores no corpo, menos na consciência". Feliz quem assim se sente.


Você quer saber o que é felicidade? Felicidade é ter a consciência tranquila. Informam que quando a gente sai deste mundo, lá no mundo espiritual, leva consigo um inferno ou um céu. O inferno é a consciência culpada.


Mas é na solidão, como já dissemos, que nos defrontamos conosco. Dizem que quem fala sozinho é doido. Ledo engano. Quem fala sozinho fala consigo mesmo. Logo, não fala sozinho.


Muita gente foge da consciência como o diabo da cruz. Mas Deus me livre de chamar ninguém de diabo. Se ele é nosso inimigo, que cumpramos o mandamento do "amai até o inimigo".


Deixemos o diabo e voltemos à solidão e ao silêncio. Quem faz e gosta de muito barulho é porque está com medo da consciência. O barulho faz esquecer muitas coisas. Assim como o sujeito toma álcool para esquecer muitas coisas, o mesmo ocorre com o barulho. E, aqui para nós, não está bem com a vida quem gosta de barulho. O barulho é uma fuga.


O homem que gosta do barulho esquece que o seu corpo é um templo, onde há muito silêncio. Os pulmões respirando o oxigênio, o coração distribuindo o sangue pelo organismo, o estômago cuidando da alimentação, o cérebro, lá no alto, produzindo pensamentos, tudo isso é feito no maior silêncio, enquanto o idiota se esconde no barulho.


O silêncio é divino. Jesus nunca fez barulho, embora muitos religiosos adorem a zoada, a exemplo dos fariseus que gostavam de chamar a atenção com suas orações em alta voz.


E fiquemos por aqui, lembrando que, na natureza, este templo divino, tudo é feito em silêncio e solidão.

Patrono do Blog
Carlos Romero (1923-2019), cronista paraibano.
RECOMENDE AOS SEUS AMIGOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários

Postar um comentário

Deixe o seu comentário